PLATELMINTOS E
NEMATELMINTOS
PLATELMINTOS
• TÊM O CORPO ACHATADO;
• VIVEM EM AMBIENTES AQUÁTICOS OU
ÚMIDOS;
• PODEM SER PARASITAS OU DE VIDA
LIVRE;
• PODEM MEDIR MILÍMETROS OU METROS
DE COMPRIMENTO;
• POSSUEM
TUBO
DIGESTÓRIO
INCOMPLETO (PELA BOCA INGEREM O
ALIMENTO E ELIMINAM AS FEZES);
• ALGUNS
NÃO
POSSUEM
TUBO
DIGESTÓRIO,
RETIRANDO
OS
NUTRIENTES
ATRAVÉS
DA
PELE
(PARASITAS).
GRUPOS DE PLATELMINTOS
• PLANÁRIAS: TÊM VIDA LIVRE E SE
LOCOMOVEM POR MEIO DE CÍLIOS. SÃO
HERMAFRODITAS E TÊM GRANDE PODER
DE REGENERAÇÃO.
• TÊNIAS (SOLITÁRIAS): PODEM ATINGIR MAIS
-
DE 8 M DE COMPRIMENTO. O CORPO PODE
DIVIDIDO EM TRÊS PARTES:
CABEÇA OU ESCÓLEX;
PESCOÇO – CURTO PROLONGAMENTO
CABEÇA;
CORPO OU ESTRÓBILO – DIVIDIDO
SEGMENTOS CHAMADOS PROGLOTES
ANÉIS.
SER
DA
EM
OU
TENÍASE
• A teníase é resultado da presença da
forma adulta da Taenia solium ou da
Taenia saginata no intestino delgado do
homem. É uma parasitose intestinal que
pode causar dores abdominais, náuseas,
debilidade, perda de peso, flatulência
(gases), diarréia ou constipação. Quando
o parasita permanece no intestino, o
parasitismo pode ser considerado benigno.
• Em alguns casos, pode provocar retardo
no crescimento e no desenvolvimento das
crianças e baixa produtividade no adulto.
A infestação pode ser percebida pela
eliminação espontânea de proglotes (parte
do corpo do verme que contém ovos) nas
fezes.
CISTICERCOSE
• A cisticercose é causada pela larva da Taenia solium nos
•
tecidos humanos.
As manifestações clínicas dependem da localização e do
número de larvas que infectaram o indivíduo, da fase de
desenvolvimento dos cisticercos e da resposta
imunológica do hospedeiro (é assim que costumam ser
chamadas as pessoas que "hospedam" o verme). As
formas graves estão localizadas no sistema nervoso
central e apresentam sintomas neuro-psíquicos
(convulsões, distúrbio de comportamento, hipertensão
intracraniana) e oculares.
• ESQUISTOSSOMO: (Schistosoma mansoni) É UM
•
•
VERME QUE CAUSA NOS SERES HUMANOS A
DOENÇA DENOMINADA ESQUISTOSSOMOSE;
TÊM SEXOS SEPARADOS;
A FÊMEA PÕE OS OVOS NAS VEIAS DO
INTESTINO DE UMA PESSOA DOENTE QUE
ELIMINA AS FEZES CONTAMINANDO O SOLO
QUE PODE ALCANÇAR A ÁGUA DE UM LAGO OU
REPRESA.
• Origina larvas ciliadas denominadas miracídeos;
• Essas larvas podem penetrar o corpo de um
•
caramujo de gênero Biomphalaria originando
larvas com cauda chamadas cercárias;
As cercárias saem do caramujo e passam para a
água podendo penetrar na pele humana,
atingindo a corrente sanguínea.
Ocorre o
aumento no volume do abdome devido ao
crescimento desproporcional do fígado e do
baço.
NEMATELMINTOS
• SÃO VERMES DE CORPO CILÍNDRICO E
AFILADO NAS EXTREMIDADES;
• SÃO PARASITAS OU DE VIDA LIVRE;
• POSSUEM
TUBO
DIGESTÓRIO
COMPLETO;
• TÊM SEXOS SEPARADOS.
ANCILÓSTOMOS
• VIVEM
NO
INTESTINO
DELGADO
HUMANO;
• POSSUEM GUANCHOS NA CAVIDADE DA
BOCA QUE PROVOCAM LESÕES NA
PAREDE DO INTESTINO;
• PROVOCAM HEMORRAGIA QUE DEIXAM A
PESSOA ANÊMICA – ANCILOSTOMÍASE
(AMARELÃO)
LOMBRIGAS (Ascaris lumbricoides)
• VIVEM NO INTESTINO HUMANO SE
ALIMENTANDO
DE
SUBSTÂNCIAS
NUTRITIVAS;
• A DOENÇA PROVOCADA POR ESSE VERME
É DENOMINADA ASCARIDÍASE.
• SINTOMAS:
NÁUSEAS,
VÔMITOS,
CÓLICAS
ABDOMINAIS
E
EMAGRECIMENTO.
• PODE-SE
EVITAR
A
ASCARIDÍASE
LAVANDO CUIDADODAMENTE FRUTAS E
VERDURAS, INGERINDO APENAS ÁGUA
TRATADA OU FERVIDA E USANDO
INSTALAÇÕES SANITÁRIAS ADEQUADAS.
OXIÚRUS (Enterobius vermicularis)
• MEDEM DE OITO A DOZE MILÍMETROS
DE COMPRIMENTO E VIVEM NO
INTESTINO GROSSO, ONDE PROVOCAM
INFLAMAÇÕES.
FILÁRIAS
• SÃO VERMES QUE SE ALOJAM EM VASOS
•
•
LINFÁTICOS COMO MAMAS E PERNAS.
ESSES VERMES OBSTRUEM OS VASOS
LINFÁTICOS E DIFICULTAM O DESLOCAMENTO
DA LINFA, COM ISSO A PERNA DE UMA PESSOA
FICA MUITO INCHADA, LEMBRANDO A PERNA
DE UM ELEFANTE – ELEFANTÍASE.
UMA PESSOA ADQUIRE ELEFANTÍASE QUANDO
É PICADA POR UM MOSQUITO DO GÊNERO
CULEX.
Descargar

PLATELMINTOS E NEMATELMINTOS