Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Departamento de Física e Matemática
Laboratório Interdisc. de Comput. Científica
Utilizando Mapas Georeferenciados
para Suportar Monitoramento e Análise de
Informações de um Sistema Municipal de Saúde
Joaquim C. Felipe,
A. Rezende, V. Cavicchioli Neto, B. Berardo,
W. L. Gueleri, D. Alves
SUMÁRIO






Introdução
Proposta
Referenciamento dos Mapas
Modelagem da Base de Dados
Aplicativo EpiCASim-GIS
Conclusões
2
INTRODUÇÃO
Contexto
 sistemas de informações em saúde 
gerenciamento de recurso 
melhores serviços + menor custo
 geoprocessamento dos dados de saúde 
mapas digitais 
visualização de dados históricos ou atuais 
análise e tomada de decisão
 avanço do sistema de atenção primária à
saúde pública
 ex: acompanhamento e controle de
epidemias
3
INTRODUÇÃO
Geoprocessamento
 técnicas matemáticas e computacionais
para o tratamento de informações
geográficas
 ferramentas para se determinar a
evolução espacial e temporal de
fenômenos geográficos e a interação
entre fenômenos
 utilizam bases de dados
georeferenciadas
4
INTRODUÇÃO
Geoprocessamento
 Áreas de aplicação:









Cartografia
Análise e Monitoramento de Recursos Naturais
Transportes
Comunicações
Meteorologia
Planejamento Urbano e Regional
Agronegócios
Controle de Dados de Saúde Pública
...
5
INTRODUÇÃO
Sistemas de Informações Geográficas (GIS)
 sistemas
automatizados
usados para:




aquisição
armazenamento
manipulação
análise
de dados
geográficos
 arquitetura:
interface
entrada
processamento
visualização
armazenamento e
recuperação
BD geográfico
6
PROPOSTA
 Modelagem e Implementação de uma base
de dados geográficos para referenciar
residências
 Integração desta base com dados
oriundos de arquivos municipais de saúde
 Projeto de ferramenta para visualização e
análise espaço-temporal dos dados
7
REFERENCIAMENTO DOS MAPAS
 ponto de partida:


tabela contendo todas as residências da
cidade, com logradouro e número
mapa digital de todos os bairros da cidade
 objetivo:

localizar cada residência como um ponto no
mapa  visualização espacial de ocorrências
8
REFERENCIAMENTO DOS MAPAS
Metodologia
X
X
 Marcação de pontos de
X
controle
 Divisão do logradouro
em segmentos
 Distribuição uniforme
das residências ao longo
dos segmentos
X
 Uso do AutoCAD
 Criação de tabelas
temporárias para coleta
dos resultados
 Criação de Stored
Procedures para popular
as tabelas persistentes
9
MODELAGEM DA BASE DE DADOS
10
Aplicativo EpiCASim-GIS
11
Aplicativo EpiCASim-GIS
detecção de clusters
12
CONCLUSÕES
 unidades espaciais + ocorrências temporais
= suporte valioso para análise e
entendimento da proliferação de epidemias
 identificação de áreas com risco elevado de
ocorrência ou avaliação de risco em torno
de uma fonte de contaminação 
estabelecimento de medidas de controle 
estratégias de ação
 flexibilidade para análise de diferentes
informações em diferentes cidades
13
Agradecimentos
 FAPESP (Fundação de Amparo
à Pesquisa do Estado de São
Paulo)
 Secretaria Municipal de Saúde
de Ribeirão Preto
14
Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Departamento de Física e Matemática
Laboratório Interdisc. de Comput. Científica
Utilizando Mapas Georeferenciados
para Suportar Monitoramento e Análise de
Informações de um Sistema Municipal de Saúde
[email protected]
Descargar

Utilizando Características de Textura para Identificação de